Você conhece o exame bioimpedância?

O IMC é o principal parâmetro adotado pela Organização Mundial de Saúde para calcular o peso ideal de cada pessoa com base no peso e altura, ainda fornecendo em seus resultados se o indivíduo está abaixo ou acima do peso. 

Mesmo o cálculo do IMC sendo um ótimo parâmetro, principalmente para as pessoas que estão acima do peso e sofrem da doença obesidade, ele não fornece informações completas e precisas sobre a composição corporal do indivíduo. A boa notícia é que existe um procedimento que mede a composição corporal através da aplicação de uma suave e indolor corrente elétrica no corpo por meio de eletrodos ou de uma balança específica para esse exame de bioimpedância.

A bioimpedância é um exame comum durante as consultas com o médico especialista no tratamento da obesidade. Aqui no Instituto Baiano de Obesidade, o médico e cirurgião Dr Daniel Proença, adota o método para fazer uma avaliação completa do paciente e, junto com ele, discutir e decidir a melhor opção de tratamento, já que o método oferece o cálculo do índice de gordura, massa magra e vários outros componentes corporais. Os principais são: 

• Peso corporal;
• IMC;
• Gordura corporal total;
• Quantidade de massa magra;
• Quantidade de água no corpo; 
• Taxa de metabolismo basal;
• Relação cintura-quadril;
• Impedância de cada segmento corporal.

Com a precisão dos resultados do exame, o médico e equipe multidisciplinar podem direcionar melhor a dieta, exercícios e sinalizar doenças associadas ou outras questões de saúde, como a necessidade de beber mais água, por exemplo. 

O exame não é recomendado para pessoas que possuem algum tipo de metal no corpo, por exemplo, marca-passo, pinos e próteses ou em caso de gravidez. O procedimento também necessita de alguns preparos, tais: 

• Não consumir bebida alcóolica por 48h antes do exame;
• Não realizar atividade física intensa nem utilizar saunas 1 dia antes do exame;
• Evite alimentos ricos em cafeína, bebidas diuréticas ou qualquer outra coisa que possa reduzir água do seu corpo;
• O período de menstruação não é interessante para fazer o exame, pois nessa época a retenção de líquido aumenta e pode interferir no resultado.
• O paciente deve fazer jejum 4 horas antes de realizar o exame e deve-se ir ao banheiro cerca de 30 minutos antes do procedimento;
• Evite objetos metálicos no dia que for fazer o exame, principalmente os menores e que ficam “invisíveis”.
Editorial, 04.JULHO.2019 | Postado em Geral
  • 1
Exibindo 1 de 1

Carregando...